quinta-feira, 19 de junho de 2014

Uma história contigo



Vou lavar minhas redes, mas não quero ir embora! 
Quero tua presença, ela muda uma história 
Foi depois de uma noite que simão te encontrou 
Com o barco vazio nenhum peixe apanhou 

De que valem os planos se me sinto vazio 
De que valem os sonhos, sem os teus ideais 
Tudo isso é momento até quando eu ouvir 
Tua voz me dizendo lance a rede no mar 
E depois do milagre, eu não quero ir embora 
Quero viver contigo senhor!! Uma nova história 

Vem! Entra no meu barco, muda minha história 
Me faça esquecer a noite triste nessa hora 
Só tua presença pra mim é o bastante 
Pois de uma coisa eu sei, não serei como antes 

Oh, Deus de manassés me faz esquecer 
Os traumas de uma noite que passei no mar 
Oh, deus de efraim me faz prosperar 
Tua palavra é o que preciso pra mudar 

sábado, 14 de junho de 2014

Culto ou Show ? - C. H. Spurgeon




Os  homens parecem nos dizer: “Não há qualquer utilidade em seguirmos o velho método, arrebatando um aqui e outro ali da grande multidão. Queremos um método mais eficaz.  Esperar até que as pessoas sejam nascidas de novo e se tornem seguidores de Cristo é um processo demorado. Vamos abolir a separação que existe entre os regenerados e os não regenerados. Venham à igreja, todos vocês, convertidos ou não-convertidos. Vocês têm bons desejos e boas resoluções: isto é suficiente; não se preocupem com mais nada. É verdade que vocês não creem no evangelho, mas nós também não cremos nele. Se vocês creem em alguma coisa, venham. Se vocês não creem em nada, não se preocupem; a (duvida sincera) de vocês é muito melhor do que a fé”.

Talvez o leitor diga: “ Mas ninguém fala desta maneira”.


É provável que eles não usem esta linguagem, porem este é o verdadeiro significado do cristianismo de nossos  dias. Esta é a tendência de nossa época. Posso justificar a afirmação abrangente que acabei de fazer, utilizando a atitude de certos pastores que estão traindo astuciosamente nosso sagrado evangelho sob o pretexto de adaptá-lo a esta época progressista. O novo método consiste em incorporar o mundo à igreja e, deste modo, incluir grandes áreas em seus limites. Por meio de apresentações dramatizadas, os pastores fazem com que as casas de oração se assemelhem a  teatros: transformam o culto em shows musicais e os sermões, em arengas politicas ou ensaios filosóficos. Na verdade eles transformam o templo em teatro e os servos de Deus, em atores cujo objetivo é entreter os homens.


Não é verdade que o Dia do Senhor está se tornando, cada vez mais, um dia de recreação e de ociosidade; e a Casa do Senhor, um templo pagão cheio de ídolos ou um clube social onde existe mais entusiasmo por divertimento do que o zelo de Deus?  Ai de mim.


Os limites estão destruídos, e as paredes, arrasadas: e para muitas pessoas não existe igreja nenhuma, exceto aquela que é uma parte do mundo; e nenhum Deus, exceto aquela força desconhecida por meio da qual operam as forças da natureza.


Não me demorarei mais falando a respeito desta proposta tão deplorável.


Por: Charles Haddon Spurgeon  1834 – 1892.

O Chamado de Cristo Para Mulheres Jovens – Thomas Vincent




 “Ouve, filha, e olha, e inclina os teus ouvidos; esquece-te do teu povo e da casa do teu pai. Então o rei se afeiçoará da tua formosura, pois ele é teu Senhor; 
adora-o” (Salmos 45:10-11).

ESTE SALMO É CHAMADO DE CÂNTICO DE AMORES, o mais elevado, puro e espiritual, e mais querido, doce e deleitoso dos amores, ou seja, aquele amor que existe entre Cristo, o Amado e Sua Igreja, que é a Sua esposa. Aqui é apresentado, em primeiro lugar, o Senhor Jesus Cristo em Sua majestade, poder e divindade, Sua verdade, mansidão e equidade; e em seguida, a esposa é estabelecida no que diz respeito aos seus enfeites, companhias, auxílios, e posteridade. E ambos estão definidos no que diz respeito à sua amabilidade e beleza. Depois de ser feita uma descrição de Cristo, um convite é feito à Sua esposa, e esta dentre filhos dos homens, chamados pelo nome de “filha”. Portanto, é particularmente aplicável às filhas dos homens, ainda assim, não como excluindo os filhos dos homens como mais do que quando Deus fala aos filhos dos homens, Ele exclui as filhas. Falarei agora as palavras e, a partir daí observarei esta doutrina, tão abrangente quanto eu possa fazer isso…
1. Cristo desposa e se compromete com pessoas, para Si mesmo neste mundo. A cerimônia pública do casamento é reservada até o último dia em que Sua esposa deve ser trazida a Ele com vestes brancas e vestimenta de justiça perfeita, mais rica e minuciosa do que qualquer bordado. A festa de casamento será realizada na casa de Seu Pai no céu, onde serão recebidos nos abraços mais próximos e mais apertados de Seu amor. O desposamento entre eles e o casamento é laço ligado aqui.
2. Cristo convida todos os filhos dos homens, e em particular as filhas dos homens, para serem Sua esposa. Isto é aquilo a que eles são convidados no texto. É sobre esta consideração que Cristo envia seus ministros para serem Seus embaixadores, aos quais Ele dá a comissão de que em seu nome chamem os filhos dos homens para um mais próximo e doce relacionamento com Ele. Eles representam Sua pessoa e devem convidar e atrair em Seu nome de forma que as pessoas venham e se unam a Ele. O apóstolo Paulo diz aos Coríntios quão bem sucedido sua embaixada foi entre eles em 2 Coríntios 11:2: “vos tenho preparado para vos apresentar como uma virgem pura a um marido, a saber, a Cristo”. E quando alguns ministros são instrumentos de conversão de alguém, eles os desposam a Cristo. Na conversão, os pecadores são divorciados do pecado e são casados com o Senhor Jesus…
O Senhor Jesus Cristo, o Rei da glória, (chama) todos os filhos dos homens, e em parti-cular as filhas dos homens, para ser Sua esposa? E Ele é tão grandiosamente desejoso da beleza daqueles que são unidos a Ele? Isto, então, deve colocar todos vocês sobre o inquérito, se vocês estão desposados com Jesus Cristo. Vocês foram chamados a vir; vocês ouviram com atenção? [...] Se vocês estão desposadas a Cristo, então…
1. Vocês estão desassociadas do pecado. Está quebrada a aliança maldita que existe naturalmente entre o pecado e os vossos corações? Antes de ser desposada com Cristo, você é, por assim dizer, desposada e casada com o pecado. O pecado é o seu marido, e você está amarrada aos seus laços. O pecado habita em você e permanece nos abraços de seu mais querido amor e prazer. Você se importa com as coisas do pecado, como você pode agradar a sua carne e satisfazer seus desejos desordenados. E enquanto esse marido e amado de seu coração viver, você não está livre para casar-se com Jesus Cristo. O pecado vive nos afetos, enquanto ele possui a maior prevalência, afeições preferenciais; e enquanto vocês estão unidas e ligadas ao pecado, examinem se o pecado já recebeu as feridas de morte em vossos corações; se a falsa máscara do pecado já foi alguma vez arrancada, e o ódio a ele o já foi feito manifesto para você; se os seus corações foram levados a uma aversão e abominação dele; se o pecado foi morto em suas afeições, e afrouxado o nó que amarrava os seus corações a ele. Vocês realmente odeiam o pecado com o maior e mais implacável ódio? Está o pecado mortificado e subjugado quanto ao seu poder reinante? Se o pecado está morto, vocês têm a liberdade de serem desposadas, e é uma boa evidência de que estão desposadas a Jesus Cristo.
2. Se vocês estão desposadas a Cristo, então vocês têm sido atraídas a Ele pelo Espírito. “Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou o não trouxer” (João 6:44). Vocês tiveram chamadas exteriores da Palavra para vir a Cristo, vocês foram chamadas eficaz-mente, e atraídas poderosa e irresistivelmente, e ainda mais docemente pelo Espírito para Jesus Cristo? Vocês já tiveram uma descoberta pelo Espírito, não só da sua necessidade e da condição perdida sem um interesse em Cristo, mas também de Sua beleza e graciosidade transcendente, Sua excelência e grande boa vontade de acolher vocês nessa relação? E vocês já foram movidas e atraídas por este meio a Ele?
3. Se vocês estão desposadas a Cristo, então vocês se têm fixado a Ele pela Fé. O Espírito atrai para Cristo, pela obra graciosa da fé e habilita as pessoas a crerem nEle. Pela fé, Cristo é recebido. “Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que creem no seu nome” (João 1: 12). Por crer em o nome de Cristo, as pessoas recebem Cristo nesta relação. A fé é a mão da alma, que se apodera de Cristo, e por esta junção da mão com Cristo, o laço é atado e a alma é unida a Cristo na relação de uma esposa. Vocês têm esta graça da fé operada em vocês com o poder? Vocês já receberam e aplicaram Cristo para vós mesmas? Vocês já O receberam em Seus próprios termos? E vocês, pela fé inclinam-se vivificando e fortalecendo as influên-cias dEle?
4. Se vocês estão desposadas a Cristo, então vocês O envolvem nos braços de seu querido amor, então vocês amam o Senhor Jesus com sinceridade, e vocês O amam com supremacia de seu amor. Se você ama o pai ou a mãe, casas ou terras, riquezas ou honras, deleites ou prazeres, ou qualquer coisa no mundo mais do que Cristo, vocês não têm o verdadeiro amor a Cristo. Certifiquem-se de que vocês não estão desposadas com Ele, se esse for o caso. Mas se Cristo é o essencialmente amado, é uma evidência de que vocês estão unidas a Ele nesta relação.
5. Se vocês estão desposadas a Cristo, vocês têm entendimento e conversam com Cristo, e gostam de Sua companhia (como a) melhor. Vocês altamente valorizam e diligentemen-te assistem sobre todas as ordenanças que são os meios de trazer vocês e Cristo juntos. Esta é a grande coisa que vocês desejam e buscam na pregação e oração e à Mesa do Senhor, enviados como um Mensageiro oficial para que possam ter uma visão de vosso Amado e uma prova de Seu amor e de mais íntima comunhão com Ele. E, são o conhecimento iniciado com Cristo e mais intimidade desejados por vocês? São as puras e poderosas ordenanças de grande estima por vocês? Vocês empenham toda a diligência ao esperar e buscar por seu Amado nelas?
6. Se vocês estão desposadas com Cristo, então vocês esforçam-se para promover o Seu interesse e propagar o Seu nome no mundo. Enquanto outros buscam suas próprias coisas, vocês procuram as coisas de Jesus Cristo, e consideram-nas como suas próprias. Quando os outros trabalham principalmente para erguerem-se na estima dos homens, vocês trabalham acima de tudo para erguer a Cristo na estima dos homens. Vocês estão elogiando seu Amado acima de todos os outros e se esforçam para conduzir outros a amá-Lo e para dentro do mesmo relacionamento com Ele.
EXORTAÇÃO: vocês que ainda não estão desposadas a Cristo, eu direcionarei meu discurso para vós, e para ambos, homens e mulheres, mas especialmente para vocês que são jovens mulheres, para quem sou agora especialmente chamado a pregar… Venham, virgens, vocês dar-me-ão permissão de ser um pretendente para vocês, não em meu próprio nome, mas em o nome de meu Senhor? Posso prevalecer convosco por suas afeições e as persuadir a entregarem-se a Cristo? Poso ser um instrumento para conduzi-las com Cristo, juntas neste dia? Não sejam tímidas, como algumas de vocês possivelmente são em outros amores. A modéstia e o rubor virginal podem muito bem tornar-se lhes quando ações de outro tipo são feitas para convosco, mas aqui a timidez é uma loucura, e a lentidão para aceitar esta proposta é uma vergonha. E vocês têm dez mil vezes mais motivos para corar em sua recusa de Cristo como seu Amado do que na aceitação, quando de outro modo o Diabo e o pecado violentariam as suas virgens afeições. Nunca houve uma melhor proposta feita para vocês… Considerem Quem o Senhor Jesus é, a Quem vocês estão sendo convidadas a abraçarem-se. Ele é o melhor marido, ninguém é comparável a Jesus Cristo.
1. Vocês desejam Alguém que seja grande? Ele é da mais alta dignidade, ninguém jamais subiu ou poderia elevar tão alta façanha ou alcançar tal excelente grandeza como aquela a que Cristo é exaltado. Ele é exaltado acima de todos os reis da terra. “E no manto e na sua coxa tem escrito este nome: Rei dos reis, e Senhor dos senhores” (Apocalipse 19:16). Sim, Ele é exaltado acima dos anjos do céu, e ninguém tem tal autoridade: “O qual está à destra de Deus, tendo subido ao céu, havendo-se lhe sujeitado os anjos, e as autoridades, e as potências” (1 Pedro 3:22). Ele é o Primogênito de toda criação, por quem e para quem foram criadas todas as coisas. “E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por ele. E ele é a cabeça do corpo, da igreja; é o princípio e o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a preeminência” (Colossenses 1:17-18). “O qual, sendo o resplendor da sua (do Pai) glória, e a expressa imagem da sua pessoa” (Hebreus 1:3). Ele é a glória do céu, o querido da eternidade, admirado pelos anjos, temido pelos demônios, e adorado pelos santos. Se o mais insignificante mendigo fosse feito o maior príncipe terreno que já viveu, isto não seria tal progresso a ele como é para vocês ser desposada ao Senhor Jesus Cristo, o Rei da glória, cuja honra e dignidade vocês participarão em e por essa relação.
2. Vocês desejam alguém que seja rico? Ninguém é comparável a Cristo, que é o herdeiro de todas as coisas (Hebreus 1:2), em Quem habita toda a plenitude (Colossenses 1:19). Não apenas a plenitude da terra pertence a Ele (Salmos 24:1), mas também a plenitude do céu está à Sua disposição, todas as coisas foram dadas e entregues a Ele pelo Pai (João 3:35; Mateus 11:26). As riquezas da graça e as riquezas da glória estão ao Seu dispor. Nele estão escondidos todos os tesouros (Colossenses 2:3). O apóstolo fala das riquezas incompreensíveis de Cristo (Efésios 3:8). As riquezas de Cristo são insondáveis em relação ao seu valor, pois elas são inestimáveis, o valor delas é desvelado no passado. E são insondáveis em relação à abundância delas. Elas são inesgotáveis; ninguém pode chamar de seca a fonte Cristo. Ninguém pode buscar e descobrir o fim do tesouro de Cristo. Se vocês estão desposadas com Cristo, devem compartilhar de Suas riquezas incompreensíveis; vocês deverão receber de Sua plenitude graça sobre graça aqui e glória sobre glória no futuro. E Ele fará todas as provisões necessárias para o seu homem exterior, durante a vossa morada aqui neste mundo.
3. Vocês desejam alguém que seja sábio? Não há ninguém comparável a Cristo em sabedoria. Seu conhecimento é infinito e Sua sabedoria corresponde (a isso) [...] Cristo não é apenas sábio, mas a sabedoria (Mateus 11:19). Ele é a sabedoria de Deus (1 Coríntios 1:24). Cristo é infinitamente sábio em si mesmo, e Ele é a fonte de toda verdadeira, espiritual e celestial sabedoria, que é derivada a algum dos filhos dos homens. “Nele estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da ciência” (Colossenses 2:3). Se vocês estão desposadas com Cristo, Ele as guiará e as aconselhará, e tornará vocês sábias para a salvação.
4. Vocês desejam alguém que seja poderoso, alguém que possa defendê-las contra seus inimigos e contra qualquer tipo de dano e abusos? Não há ninguém igual a Cristo em poder. Outros têm algum poder, mas Cristo tem todo o poder (Mateus 28: 18). Outros podem ser potentes, mas Cristo é Onipotente. Outros têm poder, mas Cristo é o poder, o poder de Deus (1 Coríntios 1:24). E se vocês estão desposadas com Cristo, o Seu poder infinito está envolvido em vossa defesa contra seus inimigos. Ele dominará as vossas iniquidades (Miquéias 7:19) pelo poder que Ele é capaz de dominar todas as coisas (Filipenses 3:21). Ele esmagará a Satanás debaixo dos vossos pés (Romanos 16:20). Ele irá mantê-las separadas do mal do mundo (João 17: 15). Ele vos fará mais do que vencedoras, sobre todos os seus inimigos espirituais, que, sem a Sua ajuda, poderiam não apenas abusar e ferir vocês, mas também as arruinar e destruir (Romanos 8:37).
5. Vocês desejam alguém que seja bom? Não há ninguém como Cristo a este respeito. Outros podem ter alguma bondade, mas é imperfeita. A bondade de Cristo é completa e perfeita. Ele é cheio de bondade, e, nele, não habita nenhum mal. Ele é bom e faz o bem, e se vocês são defendidas a Cristo, por pior que vocês sejam, por natureza, Ele fará de vocês, em alguma medida, boas à semelhança dEle.
6. Vocês desejam alguém que seja belo? Cristo é mais formoso do que os filhos dos homens (Salmos 45:2). Ele é branco e rosado, o primeiro entre dez mil (Cantares de Salomão 5:10). Sua boca é muitíssimo suave, sim, ele é totalmente desejável (Cantares de Salomão 5:16). Seus olhos são mais cintilantes. Seus olhares e olhadelas de amor são mais arrebatadores. Seus sorrisos são mais deliciosos e refrescantes até a alma. Cristo é a pessoa mais bela e amorável do que todas as outras no mundo. Ninguém é tão perfeito em todos os aspectos, como Ele é perfeito, e por isso, Ele é o mais desejável nesta relação. Embora vocês sejam em si mesmas, mesmo deformadas e maculadas pelo pecado, ainda assim, se vocês estão desposadas a Cristo, Ele colocará a Sua formosura sobre vocês. Ele as lavará de suas corrupções em um banho feito de Seu próprio sangue e as embelezará com Sua própria imagem, e assim, vocês devem tornar-se extremamente formosas. E como vocês podem ter licença para deliciarem-se na beleza de Cristo, assim Ele grandemente deseja e deleita-se na vossa…
7. Vocês desejam alguém que possa amá-las? Ninguém pode vos amar como Cristo. Seu amor é incomparável, e Seu amor é incompreensível. Seu amor ultrapassa todos os outros amores, e ultrapassa o entendimento, também (Efésios 3:19). Seu amor é o primeiro, sem qualquer começo. Seu amor é livre, sem qualquer motivo. Seu amor é grande, sem qualquer medida. Seu amor é constante, sem qualquer mudança. E Seu amor é eterno, sem qualquer fim.
Foi o amor de Cristo, que o trouxe do céu, que velou a Sua Divindade na alma e corpo humanos, que colocou sobre Si a forma de servo, que o expôs ao desprezo, censura, e muitas indignidades. Foi o amor que O fez sujeito à fome, sede, dor, e muitas enfermi-dades humanas, que O humilhou até a morte, até mesmo à morte dolorosa e ignominiosa da cruz. E quando por amor Ele havia terminado a obra da Redenção sobre a terra, com o que era necessário por meio de satisfação, foi o Seu amor que O levou de volta para o céu onde Ele estava antes, para que Ele pudesse fazer a aplicação do que Ele havia comprado; para que Ele pudesse interceder por aqueles que Ele tinha redimido e preparar um lugar para eles, mesmo mansões gloriosas com Ele mesmo na casa não feita por mãos, que é eterna, nos céus. É por amor que Ele envia esses sinais para o Seu povo do céu até a terra, que ele transmite através de Suas ordenanças, pelo Seu Espírito para eles. E as Suas provas de amor são infinitamente além de todas as outras provas de amor, em valor e excelência. Claro, então, ninguém é tão desejável como o Senhor Jesus Cristo para que vocês se casem. Se vocês estão desposadas com Cristo, Ele é vosso – tudo o que Ele é e tudo o que Ele tem. Tereis Seu coração e compartilhareis expressões escolhidas de Seu mais querido amor.
E agora, coloquem todas essas coisas juntas. O Senhor Jesus Cristo, sendo incomparável em dignidade, em riquezas, em sabedoria, em poder, em bondade, em beleza e em amor, eu acho que vocês não deveriam precisar de nenhum outro motivo para persuadi-las à vontade de casarem-se com Ele.




 Fonte: ChapelLibrary.org │ Título Original: “Christ´s Call To Young Women”
 As citações bíblicas usadas nesta tradução foram retiradas da versão ACF (Almeida Corrigida Fiel) Tradução: Camila Rebeca Almeida - Revisão por William Teixeira 

terça-feira, 10 de junho de 2014

O Verdadeiro Evangelho da Prosperidade


"Todos vós, os que tendes sede,  vinde ás águas; e vós, os que não tendes dinheiro, vinde, comprai e comei; sim, vinde comprai, sem dinheiro e sem preço, vinho e leite.
Porque gastar o dinheiro naquilo que não é pão, e o vosso suor,  naquilo que não satisfaz?
Ouvi-me atentamente, comei o que é bom e vós deleitareis  com finos manjares."
(Isaías 55 1 e 2 )

O que está acontecendo aqui?
O que acontece é isso:
 Ele está falando a uma nação vil e decaída. Ele está falando a uma nação cuja idolatria, perversão, prostituição é tão grande que eles foram retirados da terra prometida.Eles foram severamente punidos  e disciplinados, levados ao exílio.
Deixados lá sem nenhuma esperança, sem nada, mas com algumas promessas.E nós vemos ao longo de todo o livro de Isaías: reprovação, após reprovação após reprovação.
A Justiça de Deus clamando  contra as pessoas ímpias. Então chegamos a estes capítulos, no final dos 40 ao início dos 50.
O Messias, o Redentor surge.Ele surge e faz um trabalho de Salvação  que nenhum homem pode alcançar a compreensão.
Uma das maiores, mais assustadora, e dolorosa coisa sobre ser um pregador é que você sabe que a partir do momento que decide pregar a Cruz, e pregar o que Deus fez através de Seu Filho Jesus Cristo, você vai falhar!  Então você tem esse povo humilhado, de forma justa.
Julgado, de forma justa.  Todas as promessas pareciam longe deles e  em meio a toda essa tristeza surge o Messias.
  E esse Messias vai á Cruz,  e nessa Cruz leva os pecados de seu povo. E moído debaixo  de toda a força de Ira de Seu Pai. E satisfaz a Justiça com Sua morte. E torna possível a um Deus  Justo perdoar pessoas pecadoras.
 Depois deste trabalho do Messias,  vamos ao capítulo 54 e vemos grandiosas e quase indescritíveis bênçãos  provenientes de Sua morte, Sua  vida e Ressurreição.
Tudo o que Deus vai fazer através disto. E após anunciar as pessoas todas essas  grandes bênçãos disponíveis em Cristo, Ele faz um convite,  dizendo:
"Todos vós, os que tendes sede, vinde as águas;"
Todos! Jamais se confunda aqui.
O convite de Deus é amplo e é profundo. Todos que ouvem essa proclamação.
E podemos ver no contexto que não é apenas limitado a Israel. Todos vós, os que tendes sede, venha.
Venha a mim, Ele diz:
" vinde as águas; e vós, os que não tendes de dinheiro, vinde, comprai e comei;"
Vemos um grupo de pessoas absolutamente destituídas  de virtudes e méritos.
 Eles não tem nada em suas mãos para negociar com Deus. Eles não podem pagar por nada.
Mas ele diz: vinde, vós que não tendes  dinheiro, vinde, comprai e comei; vinde, comprai vinho e leite.
Uma das coisas que você deve entender hoje... Eu penso que de certa forma o movimento carismático sendo confuso, e torto, radical - sim muitas vezes é isso, mas algumas vezes parece que isso é para nos provar.
Sim, eles falam sobre sua prosperidade, suas bênçãos, sobre todas essas coisas, eles pegam essas palavras e torcem o significado, mas eu tenho receio que nós nem ao menos as usamos.
Ele disse, vinde a mim, e o que Ele promete? Somente água? Não. Ele continua: vinde e comprai de mim, vinho e leite. O melhor da terra.
Você vê o que precisamos entender? Há prosperidade em vir para Deus.
Não necessariamente uma prosperidade de saúde, eu estou quebrando em 1 milhão de pedaços, tem mais metal em mim do que em um caminhão-tanque.
Não necessariamente uma prosperidade de saúde, ou riquezas, ou sabedoria, mas sim a prosperidade de beber dEle! Alimentar-se dEle, de conhecê-Lo!
Que um homem possa ser tão sujo, tão caído, condenado a morrer e através do sangue do Salvador, possa ser levantado para andar, não somente em amizade, não apenas em comunhão, mas na adoção de filhos.
Me irrito com pastores de hoje que prometem mais que a bíblia promete para fazer os homens virem a Cristo “Venha para Cristo e Deus vai consertar isso. Venha para Cristo e Deus vai consertar aquilo”
Não menosprezem o chamado do Evangelho. Venha para Cristo por causa de Cristo!
Venha para Cristo para se alimentar dEle.
Venha para Cristo para viver com Ele.
O céu não é céu por causa das ruas de ouro e portões de pérola, céu é céu devido a presença de Deus manifestada em Seu Filho.
Nós precisamos ter certeza de que ao realizar o chamado do Evangelho façamos com a força total das bênçãos de Deus. Há uma alegria, uma vida, e uma glória para ser possuída!
Há alguns anos li um artigo de uma consagrada revista reformada, falava sobre Harry Potter. E todos vocês automaticamente pensam... vocês sabem...
A maioria se posiciona contra Harry Potter. Mas quero que você saiba que de certa forma  Harry Potter é um chamado de reprovação para a igreja.
Quando uma criaança le Harry Potter vê prodígios, e impetuosidade, e vida, mágica, luta, vitória, derrota, e tudo para o que fomos feitos!
E quando ela vê seu Cristianismo tudo o que vê é um sermão fraco e frio.
Deus não veio apenas nos dar a maneira correta de pensar, Ele veio nos dar vida! E vida em abundancia.
E você pode experimentar essa vida mesmo que seu corpo esteja gritando com dor.
Alimentar-se de Cristo! Cristo!
Eu amo o alerta que Spurgeon dá.
Quando ele fala sobre tudo estar em Cristo.
A prosperidade e a benção, sobre benção, sobre benção de conhecer a Cristo.
E ele alerta todos os jovens teólogos dizendo: Alguns de vocês pensam que tudo está na verdade, que tudo no Cristianismo está envolvido na doutrina, em saber essa doutrina ou aquela doutrina.
Doutrina é extremamente importante, em verdade é a fundação de tudo que temos sobre Deus, mas você precisa entender que a verdade não é o fim.É o meio para um fim.   
Beber o vinho e o leite de uma ralação pessoal com Deus através de Seu Filho Jesus Cristo.
O casamento em Canã   prova isso a nós, porque Jesus pegou a água da religião e transformou no vinho da vida eterna.
Você não pode ver essa passagem sem pensar que deveria correr, ou pular, ou dançar com toda sua força, porque estamos vendo um monte de mendigos condenados a morte, que estão definhando, de forma justa. Que não podem levantar a cabeça para dar um argumento contra sua condenação.
Ele diz a eles: Baseado no meu Messias fez, venha!
Qualquer um de vocês que está sedento, venha!
Há tantos de vocês, o verdadeiro Cristão, mas você está sedento. Você esta com fome.
Algumas vezes você se pergunta:
Isso é tudo? É isso?
Mas quero que você saiba, não é uma louca experiência carismática que vai tirar você da sua inércia e levá-lo a uma nova vida, mas é vir a Cristo.

Basicamente vir a Cristo em Sua Palavra!